Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2010

A importância da palavra

"A questão talvez já nem seja uma informação excessiva, reduzida a um grosseiro ruído de fundo, onde a verdade objectiva é acabrunhada pelas verdades subjectivas e particulares, leves como a espuma, inconsistentes como o vento e, muitas vezes, inconfessáveis como os grandes pecados. A questão talvez seja sobretudo a deformação deficiente dos utilizadores e manipuladores da palavra. Uma sociedade que só reage a slogans é uma sociedade rendida à manipulação, que desprezou a cultura, o conhecimento e as referências históricas, como os únicos elementos de ligação que permitem formar critérios e opiniões a partir da informação. São muitos os que se interrogam se a televisão digital, os computadores, a Internet, o correio electrónico e as páginas Web significam um efectivo contributo para tornar os cidadãos deste final de século mais cultos, mais informados, mais poderosos, mais felizes e com mais oportunidades, ou se uma contabilidade tardia e terrível os revelará como autistas, sem …

O valor da Filosofia

"(..) O valor da filosofia, na realidade, deve ser buscado, em grande medida, na sua própria incerteza. O homem que não tem umas tintas de filosofia caminha pela vida afora preso a preconceitos derivados do senso comum, das crenças habituais de sua época e do seus país, e das convicções que cresceram no seu espírito sem a cooperação ou o consentimento de uma razão deliberada. Para tal homem o mundo tende a tornar-se finito, definido, óbvio; para ele os objetos habituais não levantam problemas e as possibilidades infamiliares são desdenhosamente rejeitadas. Quando começamos a filosofar, pelo contrário, imediatamente nos damos conta (como vimos nos primeiros capítulos deste livro) de que até as coisas mais ordinárias conduzem a problemas para os quais somente respostas muito incompletas podem ser dadas. A filosofia, apesar de incapaz de nos dizer com certeza qual é a verdadeira resposta para as dúvidas que ela própria levanta, é capaz de sugerir numerosas possibilidades que amplia…

ISabe

Está online a nova página do Jornal I - ISabe Vale a pena olhar com atenção... a estrutura promete conteúdos de interesse e merece participação.

Apontamento de vocabulário técnico: Validade e Verdade

A propósito da linguagem usada na aula de hoje, e sistematizando o que foi explicado, aqui fica um apontamento que deverão ter em conta aquando do uso dos conceitos de Verdade e Validade:  a Verdade e a Falsidade são "valores lógicos", e devem ser considerados apenas a nível de juízos e proposições (ex. uma frase simples). O valor que atribuímos resulta do facto do conteúdo ser verificado ou não na realidade; isto é, se a proposição coincidir com a realidade, então é considerada verdadeira; se a proposição não se verificar no "real", é considerada falsa. A Validade usa-se  nos argumentos e raciocínios (apresentam um maior grau de complexidade e nem sempre a verdade aí se apresenta evidente). Um raciocínio é considerado Válido, se a ligação entre as proposições estiver devidamente encadeada, se obedecer a regras próprias da sua natureza, caso contrário (se a ligação entre as proposições não estiver devidamente organizada), o raciocínio é considerado Inválido. Neste …

Da "utilidade" da filosofia

Aqui está um texto a defender a "utilidade" da filosofia. A argumentação parece sólida embora possa ser contestada... era interessante que nas próximas aulas nascesse um debate sobre este assunto. Pensem nisso e depois falamos... "Nunca lidei bem com o facto de haver pessoas que desistem antes de tentar. Que dizem que não gostam de algo sem experimentar. Que dizem o não antes de um talvez. O mesmo se passa com a Filosofia. Desistem dela antes de a tentar conhecer, afirmam não gostar sem a tentar saborear e o não surge rapidamente. Pois bem, estão errados ao agir assim. Mas quem sou eu para afirmar que estão errados? Sou uma pessoa que tentou, experimentou e… gostou! De facto, a Filosofia é tão útil como uma troca de ideias. Enriquece qualquer um, sem empobrecer ninguém. Com ela a nossa vida muda. Acreditem que muda mesmo. Passamos a defender melhor os nossos pontos de vista, tomamos consciência de que nem sempre temos razão e aprendemos a aceitar outros lados da questão qu…

O que é a filosofia? ( uma resposta de N.Abbagnano)

"Toda a Filosofia se propõe a tarefa de determinar o sentido (se algum houver) dos acontecimentos entre os quais vivemos e, por conseguinte, a atitude a assumir frente a eles. Trata-se na realidade de um problema que implica mais ou menos conscientemente todos os homens em virtude das circunstâncias da sua própria vida. Mas toda a filosofia autêntica escolhe uma via própria que a faça aceder à solução do problema ou negar a possibilidade de solução; e é a escolha desta via que determina a concepção do mundo, que a filosofia leva a formular, bem como as consequências práticas que daí resultam para o comportamento do homem. O filósofo pode insistir em interrogar de preferência o céu ou a terra: a matéria ou o espirito, a natureza ou a história. Pode virar-se para a intimidade da sua consciência ou para a exterioridade das coisas E conforme o interlocutor de antemão escolhido, serão diferentes as suas conclusões."
N. Abbagnano- Nomes e Temas da Filosofia Contemporânea. Lisboa, …